Xtreme Model cria oportunidades para jovens da periferia com concurso de beleza

Nem o distanciamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus fez o produtor Jomar Sousa desistir de realizar os concursos Miss e Mister Guetto, que em 2020 chegou à quinta edição em formato on-line.

Durante transmissão pela internet, na última sexta-feira (26), os jurados elegeram a estudante de administração Laura Mendes, 19, da Capelinha do São Caetano, e o profissional de logística Erick Mendes, 24 anos, morador do bairro Arenoso. Os modelos da agência tiveram que desfilar de suas casas com trajes moda praia e gala. Além do título, os vencedores levaram para casa faixa e troféu.


O modelo Erik, agenciado há dois anos pela Xtreme Model, conduzida por Jomar, já tinha tentando o título antes e dessa vez conquistou a vitória. “Eleva a autoestima profissional saber que estou desempenhando meu trabalho com excelência”, acredita. Já para Laura foi a primeira vez em um concurso. A jovem já atua como modelo e comemorou o primeiro lugar. “Essa conquista para mim muda tudo. É uma experiência nova e estou muito feliz por estar dando esse grande passo na minha carreira”, completa.


Para Jomar Souza, os concursos são a porta de entrada de jovens que sonham com a carreira de modelo. “Comecei em 2016, no Centro Cultural Plataforma, onde fui bem recebido pelo gestor do teatro e pelo produtor Fabricio Camming. Comecei sem plateia, com bilheteria zero, e contava com a presença de raros amigos, como o estilista Jorge Andrade, que me apoia desse o início. Fiz somente a versão masculina do concurso, no qual o mototaxista Laíre Macedo foi eleito”, relembra o produtor, que fez o primeiro projeto em parceria com a atriz Scher Marie Mercury, em março de 2016, o Mister Nordeste.


“Após essa parceria de sucesso, iniciei de fato sozinho, produzindo desfiles e concursos de beleza, até abrir a agência um ano depois, em março de 2017. E cá estamos até hoje, realizando sonhos, dando oportunidade aos jovens da periferia e do subúrbio e exercendo a militância contra o preconceito racial e social”, avalia Jomar.


Além de Laíre Macedo, já conquistaram a tão cobiçada faixa: em 2017, Joseã Santos e Leilane Paim, que segue como modelo e já ganhou outros concursos de beleza, além de participar dos desfiles da Xtreme, como o do Quilombo. Em 2018, a vitória foi para Jeferson Lima e Nataly Souza. No ano passado foi a vez de Adailton Gonçalves e Bruna Moreira.


Calendário de eventos da Xtreme Model: Mister Verão (janeiro), desfile temático Dia do Índio (abril), desfile Quilombo Abolição da Escravatura e concurso Beleza Dandara e Mister Zumbi dos Palmares (maio), Miss e Mister Guetto (setembro). Uma novidade é que a Xtreme está escrevendo candidatos na categoria fitness. Os interessados podem ter mais informações no site xtrememodel.com.br, no perfil @agenciaxtrememodel no Instagram e no WhatsApp (71) 99206-2171.


Jomar destaca um dos objetivos do concurso: o de dar visibilidade aos vencedores. “A maioria vem da periferia, sem oportunidades, mas a realização desse sonho faz com que a autoestima deles vá lá no céu e ganhe confiança para abraçar as oportunidades que surgem com o título. Na Xtreme, nós empoderamos nossos agenciados e esse trabalho traz ótimos retornos”.


Reconhecimento:


“Jomar é uma pessoa muito cuidadosa, comprometida e responsável. Antes de abrir a Xtreme Model, ele procurou o SATED para iniciar a atividade de forma correta, ouviu as orientações, fez cursos de qualificação para entrar mercado que queria atuar, o de moda. Desde então vem aperfeiçoando seus eventos, dando espaço inclusive para outros profissionais, como estilistas, mostrarem seu trabalho”. Fernando Marinho, presidente do SATED-BA.


“A Xtreme Model é uma ferramenta importantíssima, pois oferece com os seus concursos a possibilidade de muitos jovens a ingressarem no mundo da moda. Além disso, o trabalho do produtor Jomar Sousa derruba as barreiras do racismo, valorizando a beleza de profissionais negros, que em pleno século 21, continuam sofrendo discriminação”. Michel Telles, colunista.


“Sempre respeitei e dei muito valor às pessoas persistentes e confiantes em seu trabalho, por isso admiro o produtor de moda e eventos Jomar Sousa, um abnegado pelo que faz”. Clóvis Dragone, jornalista.


“É muito importante e fortalecedor o trabalho da Xtreme Model porque valoriza os jovens negros periféricos. A agência vem abrindo espaço para que as pessoas ocupem lugares e sejam exemplo para que as outras se sintam representadas”. Josy Brasil, comunicóloga, idealizadora do projeto Roda Comigo.


“O trabalho que Jomar faz é fundamental porque, além de dar visibilidade a esses jovens, promove um exercício de cidadania dentro das comunidades. Aqueles modelos, filhos de domésticas e lavadeiras, se tornam exemplo de inspiração para outras pessoas acreditarem que têm a mesma capacidade de ocupar outros espaços. O evento também agrega a família, que passa a ver esse jovem como motivo de orgulho”. Genilson Coutinho, editor do site Dois Terços.


“A Xtreme Model fortalece a imagem do NEGRO, o respeito, resgata a dignidade e a valorização do ser. A partir dessa exposição pública, com beleza e glamour, os jovens negros passam a ter seus caminhos abertos e sua autoestima fortalecida”. André Luiz Actis, editor da TV Pelourinho.


“O concurso Miss e Mister Gueto é uma das passarelas mais pretas do Brasil, com jovens de periferia que tiveram seus sonhos oportunizados. O evento mexe com a autoestima por ser um ambiente onde a beleza da negritude é colocada em posição de destaque”. Raoni Oliveira, apresentador do TVE Revista.

Página anterior Próxima página
publicidade