Fantasiar com seu parceiro te traindo: veja o que significa

De vez em quando você se pega em fantasias com seu parceiro que envolvem terceiras pessoas? É perfeitamente normal!  
O termo "cuckolding" se originou de pássaros que botam ovos no ninho de outra pessoa e foi usado para descrever mulheres que enganosamente tiveram filhos de outros pais que não o marido. Agora, é um termo usado para descrever um fetiche em que alguém é excitado pelo parceiro que faz sexo com outra pessoa. Você é a "cuck", sua esposa é a "esposa gostosa". O corno também tem um elemento de humilhação, degradação ou negação. Veja o artigo que preparamos sobre esse assunto!
Existe uma variedade tão grande de normal quando se trata de sexo, comparar-se ou tentar se encaixar no "normal" não é necessariamente útil.
“É estranho querer que a minha mulher me traia com o meu estímulo e meu patrocínio”, pergunto um homem que pagou um garoto de programa para a sua esposa.
"Isso é normal?" - certamente existem muitas outras pessoas com a mesma fantasia que você.
Uma pesquisa recente sugere que 58% dos homens e cerca de um terço das mulheres fantasiam sobre cuckolding. Ele pode ocorrer como um evento pontual ou como um "estilo de vida". Ocorre em parcerias heterossexuais e do mesmo sexo. (Uma pesquisa rápida na maioria dos sites pornográficos confirmará isso.)
Cuckolding é uma fantasia sexual comum.
Nossas fantasias sexuais (incluindo as de cuckolding) não são necessariamente um reflexo de nosso relacionamento ou felicidade dentro dele.
O erotismo está profundamente dentro da nossa psique. Às vezes, as coisas que fantasiamos parecem não fazer sentido. Podemos até fantasiar sobre coisas que na verdade não queremos que aconteçam IRL. Isso não os torna errados. Na verdade, esse elemento de tabu é o que pode torná-los muito mais emocionantes.
Pode haver muito valor em explorar nossas fantasias e entender de onde elas vêm - não necessariamente como uma maneira de diminuí-las, mas aprimorá-las e usar esses desejos para alimentar nossa vida erótica. Mesmo se não quisermos agir de acordo com elas, nossas fantasias sexuais são válidas e podem ser emocionantes.
Existe uma variedade incrivelmente ampla de fetiches e o que excita as pessoas. Quaisquer que sejam as atividades sexuais em que você escolha se envolver são válidas - desde que você siga o lema do BDSM e garanta que as práticas em que se envolve sejam "seguras, são e consensuais".
Como você sabe, no entanto, representar fantasias sexuais pode ter consequências.
Atuar sua fantasia pode aumentar o desejo, a emoção e a intimidade entre vocês. Também pode trazer muitas emoções grandes e desafiadoras para vocês dois e ter consequências para o relacionamento.
Aqui estão algumas sugestões para avançar com isso:
• Não se apresse em tomar essa decisão.
• Pesquise o "estilo de vida do corno" (e sim, existe uma comunidade lá fora) para ajudar a prepará-lo para o que esperar.
• Garanta que seu relacionamento seja sólido e tenha ótima comunicação primeiro.
• Estabeleça limites e acordos claros.
• Continue a comunicação aberta e honesta durante e após a experiência.
Página anterior Próxima página
publicidade