CowParade Brasil começa leilão virtual das obras

Por Juci Ribeiro

As 60 esculturas de vaca da 13ª edição da CowParade Brasil, que desde o dia 9 de outubro colorem as ruas de Salvador, já estão em leilão. Espalhadas por 53 pontos da cidade, as obras de arte assinadas por diversos artistas baianos já começaram a ser leiloadas virtualmente. O lance inicial para cada obra é de R$ 6 mil e o acesso à plataforma de leilão pode ser feito por meio do site cowparade.com.br.
Esse será o pontapé inicial para o arremate das esculturas que acontece em leilão realizado no dia 21 de novembro em Salvador. Além dos baianos, interessados de todo o mundo poderão arrematar as obras também pela internet, já que o leilão acontece, presencial e virtualmente, de forma simultânea. Entre os artistas que assinam as vaquinhas soteropolitanas estão nomes como Bel Borba, Maria Adair, Denissena, Alberto Pitta, Graça Ramos, Menelaw Sete e Carlinhos Brown, que apadrinha o projeto. As vacas pintadas por eles e outros artistas ficam em exposição nas ruas de Salvador até o dia 8 de novembro.


Serão quatro as instituições beneficiadas na capital baiana: as Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), que abriga um dos maiores complexos de saúde 100% SUS do país e presta assistência à população de baixa renda nas áreas de saúde, assistência social, pesquisa científica, ensino em saúde e educação; o Hospital da Criança Martagão Gesteira, maior hospital exclusivamente pediátrico do Norte e Nordeste foram as beneficiadas; a Associação Fábrica Cultural, voltada ao desenvolvimento territorial, que integra a Rede CAMMPI, a Rede de Articulação e Mobilização de Moradores da Península de Itapagipe, que compõe mais de 40 associações presentes nos 14 bairros do entorno; e a Associação Pracatum, que realiza programas educacionais, culturais e de desenvolvimento comunitário no Candeal Pequeno de Brotas.


“É com muito orgulho que a CowParade Brasil irá cumprir mais uma etapa da sua missão social em Salvador. As nossas vaquinhas soteropolitanas serão leiloadas em prol de duas instituições de grande importância para cidade e mais uma vez irão fazer o bem, ajudando a comunidade.
 Estou muito feliz, pois essa doação está coincidindo com o ano em que a Irmã Dulce foi consagrada santa e com um ano de muitas transformações também para o Hospital da Criança Martagão Gesteira”, declara Catherine Duvignau, sócia-diretora da Toptrends, empresa organizadora.
No Brasil, o projeto já arrecadou e doou mais de R$ 6 milhões para ações sociais como Fundação ABRINQ, Fundação Gol de Letra, SERVAS – Serviço Voluntário de Assistência Social (BH), Rio Inclui (RJ), AVAO - 

Associação Voluntariado de Apoio à Oncologia (PA), entre outras. Ao redor do mundo, mais de 10 mil artistas já participaram da CowParade e estima-se que mais de 500 milhões de pessoas tenham visto uma das esculturas. No total, mais de US$ 35 milhões foram levantados para entidades beneficentes através do leilão das peças.
-- 
Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário