Fotógrafos dizem ter sido agredidos por seguranças da cantora Rihanna

Os seguranças da cantora americana Rihanna, que cantou sábado (26) no Rock in Rio, teriam agredido alguns fotógrafos que na saída de uma churrascaria em Botafogo, na Zona Sul, na noite deste domingo (27), como mostrou o Bom Dia Rio.
A confusão aconteceu depois que ela saiu do restaurante, tropeçou ao entrar no carro e os paparazzi tiraram foto. O fotógrafo Gabriel estava acompanhando os passos da cantora e foi atingido na cabeça.
“Os seguranças tinham pedido pra não tirar foto e, de repente, ela tropeçou e nós fizemos o registro. Aí eles já partiram pra cima", disse Gabriel. Apesar da agressão, ele passa bem, só a lente da câmera é que foi destruída.
Eram quatro homens que faziam a segurança de Rihanna, três brasileiros e um americano. Todos os envolvidos foram levados para a 10ª DP (Botafogo) e os investigadores disseram que os fotógrafos e os seguranças sentaram para conversar e optaram por não fazer o registro do caso. Eles afirmaram que tudo já havia sido resolvido.
Os fãs que estavam no restaurante viram tudo. “A gente estava jantando, esperando ela acabar, para poder falar com ela, mas me trancaram dentro do restaurante”, disse uma cliente que estava no restaurante, mas preferiu não se identificar.
Ainda de acordo com o fotógrafo, as fotos da cantora tropeçando ficaram boas e já estão na internet.
Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment